BLOG DE ATUALIZAÇÕES DO DOC FÁCIL - Aplicativo em VBA para a personalização e impressão de RECIBOS, NOTAS DE SERVIÇO E DAM'S com cálculos automáticos de ISS, IRRF, INSS.
Permite CADASTRAR e SALVAR "Credores", "Fornecedores" e "Históricos".
PESQUISA E EMITE 2ª VIA DA NOTA DE SERVIÇOS-
É totalmente DIRECIONADO À ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA (PREFEITURAS).

Informações: barraus@hotmail.com

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Consumidores disponibilizam senha do cartão sem saber, alerta CDL

Um novo golpe promete somar mais cifrões para o mundo do crime e agora com o cartão de débito, que a maioria acredita que estabeleça uma operação inviolável ou incorruptível

“O consumidor entrega o cartão para efetuar o pagamento. O atendente passa o cartão na maquineta e, tapando com a mão o visor, pede que a pessoa digite a senha. Na verdade, este atendente integra a quadrilha de criminosos. E o campo que ele disponibiliza para o dono do cartão digitar a senha é, na verdade, o do valor do consumo, em que os números ficam visíveis”, explica o presidente da Federação das CDLs de Mato Grosso, José Alberto Vieira de Aguiar.

José Alberto conclui que depois que o consumidor digita a senha, o atendente leva a maquineta para o balcão e anota os números digitados. O técnico Ferreira completa que após esta ação, ele volta até o cliente e diz que não foi possível a conexão completa e refaz, desta vez corretamente, toda a operação. “Mas aí ele já detém a senha do consumidor, que ele usará criminosamente”, informa Arnaldo, apontando ainda que a Ciello, marca de maior mercado em operações de cartões no Brasil, já está trabalhando a exigência de mais um acionamento numérico por parte do titular do cartão para evitar fraudes como esta.

O presidente da FCDL declara que do caso que se tem conhecimento, o golpe foi aplicado em operação em posto de gasolina. “Mas, é preciso que os cidadãos estejam atentos e sempre de olho na transação com seus cartões, cuidando para que seja feita sob suas vistas e conferindo todos os dados. Os golpistas podem estar em qualquer estabelecimento ou mesmo como espião dentro dos computadores, por meio de vírus. Portanto, atenção!”.

O dirigente lojista lembra ainda que Cuiabá, e todo o Mato Grosso, já é vitrine de roteiro turístico no mundo. “Portanto, lojistas, empresas em geral, precisam ter bastante cuidado com estes acontecimentos. E, de outro lado, se preparem para o aumento de movimento de cartões estranhos, do mundo todo, que também podem vir já como parte de golpes e más intenções”.

Ferreira esclarece que um segundo golpe ocorrente com cartões é o do falso funcionário de operadoras. Ele chega com crachá, documentos e todo o aparato referente a alguma marca de cartão, oferecendo revisão ou uma nova tecnologia a estabelecimentos comerciais, de serviços e outros que praticam operações nesta modalidade de pagamento. Troca a máquina da empresa por uma que ele leva já com o sistema criminoso. “Trata-se de um chip, um chupa cabra, que gravará cerca de 100 posições de cartões”, aponta ele. “Em uma semana os criminosos voltam aos estabelecimentos, dizendo que o teste foi concluso ou que a tecnologia não foi aprovada, devolve a máquina anterior e leva a que tem gravadas as 100 posições de cartões, por meio das quais serão aplicados os golpes nos tantos consumidores e bancos”.

José Alberto informa que a CDL Cuiabá promove anualmente cursos sobre fraudes e golpes, visando alertar aos lojistas e instituições financeiras sobre novas e antigas estratégias criminosas. “Precisamos no unir – cidadãos, comércio, bancos e cooperativas, para evitar tantos prejuízos”.

Fonte: 24Horas News - 18/02/2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Liberdade. Eu cultivo!